Crise ou Oportunidade?

Não é novidade que a economia passa por ciclos ao longo do tempo. Momentos de forte crescimento, seguidos por desaceleração, estagnação e finalmente por fases de retração econômica, as chamadas crises, que tanto atraem a nossa atenção principalmente quando ocorrem por longos períodos. E você, identifica esses momentos como crise ou oportunidade?

Como você reage às crises é importante

Por isso convido você leitor e empresário, a pensar não somente no que nos leva a estes ciclos negativos, mas na forma como passamos por eles e, principalmente, na grande oportunidade que estes momentos proporcionam a todos nós, de refletir e tentar conhecer mais a fundo as feridas ou doenças que afligem nossas empresas, as quais muitas vezes não conseguimos ou não queremos identificar. Sejam elas micro, pequenas, médias ou grandes empresas. Familiares ou não. Sejam indústrias, comércios ou serviços, pouco importa. Todas estão sujeitas aos mesmos riscos.

Mas por que algumas empresas sofrem mais ou até perecem nesses períodos difíceis? Por que outras sofrem menor impacto ou até mesmo apresentam crescimento em momentos como esses? Qual o segredo?

Como você se antecipa às crises é decisivo

A boa notícia é que sim, existem respostas para essas perguntas e não se tratam de segredos. O primeiro passo é reconhecermos que todos nós temos pontos fracos. Em qualquer área de atuação, sejamos profissionais consagrados ou apenas iniciantes, não somos e nunca seremos senhores da verdade, donos da razão. Precisamos reconhecer que os tempos mudam e com tais mudanças precisamos revisar nossas práticas.

Para isso, precisamos admitir também que muitas vezes, ajuda profissional pode ser necessária. Uma visão externa de um mentor, por exemplo, pode ajudar você empresário a conseguir maior autoconhecimento, a desenvolver uma visão mais analítica sobre seu negócio e o mercado em que atua. Pode ajudar você a desenvolver um planejamento e definir medidas preventivas para cenários negativos, identificar melhor as falhas e tentar neutralizá-las. Uma visão externa pode auxiliar os líderes de seu negócio, proporcionando-lhes direcionamento, que pode então ser repassado adiante, claro que não perdendo de vista os objetivos da organização.

Assim como na medicina humana, o quanto antes conhecemos e atacamos as doenças que afetam nossas empresas e limitam o seu desenvolvimento, maior a chance de o tratamento ser eficiente e de retomarmos os caminhos da prosperidade. A sua experiência como empresário tem valor inestimável, mas se estiver pronto para avançar, consulte regularmente uma segunda opinião.

Se você gostou desse artigo, compartilhe-o com seus contatos nas redes sociais!

Compartilhe esse post

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Outros Artigos

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário