Saiba mais sobre as 11 competências fundamentais de coaching

Trabalhar como um coach é algo muito prazeroso, mas requer muita dedicação, e é preciso que você mantenha um elevado padrão de qualidade para alcançar o sucesso. Por isso, é muito importante que você conheça as 11 grandes competências que todo profissional dessa área deve ter, para oferecer um trabalho de qualidade e garantir a satisfação do cliente. Essas competências fundamentais de coaching são divididas em 4 grupos.

Ficou curioso? Continue lendo e aprenda agora mesmo quais são esses 4 grupos e todas as suas competências!

Estabelecendo os fundamentos

1. Cumprir as diretrizes éticas e padrões profissionais

Você deve conhecer e compreender os códigos de boas práticas e condutas do coaching. Ao se tornar coach, é preciso entender que o respeito e a ética são extremamente valiosos e indispensáveis para você atuar com profissionalismo.

2. Estabelecer o contrato de coaching

Em todo processo de coaching, você deve chegar a um acordo com o seu cliente a fim de que ele compreenda todos os seus limites de trabalho (como estilo de relacionamento e comunicação), entendendo também os direitos e deveres de cada um.

Criação do relacionamento

3. Fazer com que o cliente confie em você

Seja capaz de estabelecer um ambiente seguro e favorável para o seu cliente, de forma que todo o processo de coaching seja feito com respeito mútuo e confiança.

4. Garantir sua presença

Mostre ao cliente que você está atento e focado. Faça isso mantendo-se confiante, flexível e aberto, de forma que seja possível notar sua espontaneidade no relacionamento com o cliente.

Comunicação efetiva

5. Escutar ativamente o que seu cliente tem a dizer

Saiba escutar o que o seu cliente está dizendo para você, concentre-se no que é dito e em suas opiniões sobre seu trabalho. Assim, você poderá até mesmo entender quais são os desejos que ele está omitindo.

6. Fazer perguntas instigantes

Você precisa ser capaz de fazer perguntas relevantes, de forma que consiga levantar informações benéficas para o convívio com o seu cliente, perguntas que evoquem a descoberta, que promovam clareza, que ajudem o cliente a pensar em direção ao que ele pode fazer para alcançar seus objetivos.

7. Comunicação direta

Como profissional, você deve ser capaz de se comunicar de forma eficaz durante todo o processo, além de conseguir usar o estilo de linguagem que seja mais adequado a cada cliente.

Facilitação do aprendizado e resultados

8. Criar conscientização

Um coach eficaz sabe como integrar e avaliar precisamente todas as informações levantadas, para, assim, conscientizar o cliente e ajudá-lo a alcançar suas metas preestabelecidas. O coach competente vai além do que é dito ao avaliar as preocupações do cliente, ajudando-o  a descobrir novos pensamentos.

9. Desenvolver Ações

Engana-se quem pensa que o trabalho de um coach tem efeito apenas durante suas sessões com o cliente.

Você deve ser capaz de apresentar ao seu cliente oportunidades contínuas de aprendizado. Isso o ajudará até mesmo a tomar atitudes positivas, que contribuirão com o planejamento preestabelecido. É papel do bom coach encorajar esforços e desafios, mas também um ritmo confortável de aprendizado.

10. Planejamento e Definição de Metas

Como coach, você deve ser capaz de criar e manter um plano eficaz de coaching. Desse modo, será sempre possível avaliar o progresso alcançado. Outro requisito importante é consolidar a informação coletada, estabelecer um plano de coaching e desenvolver metas com o cliente que tratem de preocupações e grandes áreas para aprendizado e desenvolvimento

11. Acompanhar o progresso e definir responsabilidades

É importante acompanhar o cliente, deixando que ele tome suas próprias decisões em determinadas tarefas, e ficar sempre atento ao que é importante para ele. Promover a autodisciplina do cliente e mantê-lo responsabilizado pelo que ele diz que vai fazer, pelos resultados de uma ação que ele pretende realizar, por um plano específico com prazos relacionados. Confrontar de maneira positiva o cliente com o fato de que ele/ela não realizou as ações estabelecidas.

Essas são as competências fundamentais de coaching, que devem ser levados a sério por todo profissional da área, e que, quando seguidos, garantem a realização de um trabalho profissional e consequentemente, a satisfação de seus clientes.

Conheça o nosso curso de formação de coaching e qualifique-se para essa maravilhosa profissão!

Compartilhe esse post

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Outros Artigos

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário